segunda-feira, agosto 08, 2011

Evangélica de 69 anos afirma estar grávida de 7 meses de gêmeos


A idosa Maria Severina dos Santos(foto), 69 anos, diz que está grávida de sete meses de gêmeos. Isso mesmo. Grávida aos 69 anos.  O caso está deixando moradores assustados e intrigando médicos.

Dona Maria é natural de Serraria e mora há cerca de 40 anos na cidade de Bayeux, região metropolitana de João Pessoa, Paraíba. Ela é evangélica e mãe de 12 filhos, dentre eles duas gestações de gêmeos, sendo que três já morreram.

Maria Severina é viúva há 5 anos e há quatro se casou novamente com um homem(foto) de 36 anos, atualmente com 40. No quarto do casal, um berço já está sendo preparado para a chegada do bebê. Também já compraram roupas e acessórios infantis.

"Esses meninos mexem tanto que mal consigo dormir à noite." disse a aposentada. Como ela descobriu? "Simplesmente não menstruei mais" respondeu dona Maria, que se contradiz quando perguntada se ela já teve menopausa: "Tive sim, mas há muito tempo atrás."

De acordo com a ginecologista Wanicleide Leite, é impossível uma mulher engravidar após a menopausa.  "Se realmente esta mulher estiver grávida naturalmente, é a primeira vez na história médica mundial que isso vai acontecer. Só vimos casos assim na Bíblia, como é o caso da mulher de Abraão", declarou a médica.

Maria Aparecida já realizou vários exames de ultrassonografia e nenhum deles registra presença de feto. Mas segundo ela, "Os meninos estão escondidos dentro de uma bolsa, que vem da parte de trás da barriga e vem pra frente. Deus me disse isso." E contestou: "Se não tem meninos, porque os médicos não descobrem alguma doença?"

Um exame realizado no dia 23 de maio de 2011 aponta que o fígado dela está de formas e dimensões normais, contornos regulares e indica padrão textural aumentado. Em outro exame, o fígado apresenta sinais ecográficos de Esteatose Hepática Acentuada (Grau III), que é conhecida como a 'doença gordurosa do fígado'.

A estato-hepatite é uma doença silenciosa, assintomática e até mesmo fatal. O acúmulo de gordura no fígado, mesmo sem ingestão alcoólica, pode causar cirrose e, em alguns casos, até mesmo câncer de fígado.

Mas a grande pergunta é: Por que os médicos ainda não apresentaram o diagnóstico à paciente?

Enquanto isso, Severina vai esperar mais dois meses para ver se os bebês vêm. E conclui com muita fé “Eles serão lindos e nascerão com muita saúde." Com Informações do Blog do Gouveia.

 

 

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário