domingo, janeiro 22, 2012

Rafinha Bastos desdenha de decisão da Justiça sobre Wanessa, mas advogada diz que vai recorrer



Depois de ser condenado a pagar 30 salários mínimos para Wanessa Camargo, Marcus Buaiz e o bebê José Marcus, Rafinha Bastos vai recorrer da decisão da Justiça, embora tenha desdenhado da sentença publicamente por meio de seu perfil no Twitter.

A advogada do humorista, Thais Colli de Souza, disse que vai apresentar recurso de apelação para buscar a mudança da decisão dentro do prazo de 15 dias. A decisão judicial foi de primeira instância, portanto, ainda cabe recurso. " O juiz determinou que o Rafinha pague 10 salários mínimos para cada um dos autores (Wanessa Camargo, Marcus Buaiz e José Marcus), totalizando três", afirmou ela, por telefone.

A decisão da Justiça saiu na última terça-feira (17), depois que o juiz Luiz Beethoven Giffoni Ferreira, da 18ª Vara Cível de São Paulo, deu sua sentença. "Analisamos o conteúdo da mensagem dita pelo Rafinha em relação à moça, ao rapaz e ao bebê e foi reconhecida sua legitimidade. Com base nisso, a sentença foi dada", explicou o Dr. Ferreira em entrevista ao UOL, por telefone. "Se ele recorrer, o Tribunal de Justiça é quem decide se ele paga ou não."

Marcus Buaiz e Wanessa Camargo não quiseram comentar o assunto. Já Rafinha Bastos disse que estava "ocupado". "Eu até responderia, mas estou aqui ocupado juntando moedas", respondeu o humorista por e-mail.

Entenda o caso
No programa "CQC" do dia 20 de setembro de 2011, o apresentador Marcelo Tas comentou: "Que bonitinha que está a Wanessa Camargo grávida". No mesmo instante, Rafinha Bastos rebateu: "Eu comeria ela e o bebê. Não tô nem aí".

A declaração irônica gerou controvérsia, provocou o processo de Wanessa e Buaiz contra o humorista e culminou com sua supensão temporária da Band. Em 3 de outubro, o lugar de Rafinha na bancada foi ocupado por Monica Iozzi. Nas semanas seguintes, Oscar Filho e Felipe Andreoli também apresentaram o programa no lugar do humorista.

A assessoria de imprensa da TV Bandeirantes afirma que Rafinha continua sob contrato com a emissora e que seu futuro só deve ser definido após o retorno do programa "CQC", que está em férias até março.

Nenhum comentário:

Postar um comentário